Em meio a pandemia, Detran DF digital surge para colocar serviços na palma da mão da população

04/09/2019. Crédito: Edy Amaro/Esp. CB/D.A Press. Brasil. Brasília/-DF. A ministra Maria Elizabeth, Estefânia Viveiros e Zélio Maia, durante evento da entrega do 16º Prêmio Engenho de Comunicação, na Embaixada de Portugal.

Por Toni Duarte

O diretor-geral do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) Zélio Maia, anunciou que a partir desse mês, mesmo utilizando apenas 50% de sua capacidade na prestação de serviços , por causa da pandemia do novo coronavírus, a autarquia fará a diferença no atendimento da população através da ferramenta digital.

As inovações tecnológicas, desenvolvida em pareceria com a UNB,  fez o Detran-DF se adequar à modernidade e proporcionar mais comodidade à população.

“Cerca de 40 serviços estarão disponíveis até o final deste mês, disse o diretor-geral da autarquia, Zélio Maia.

A novidade está chegando por meio de  um aplicativo disponível no Google Play para dispositivos Android e na Apple Store para dispositivos iOS.

Segundo ele, os usuários poderão consultar os pontos da CNH, a situação do veículo e acompanhar os resultados de bancas examinadoras.

É possível também conferir o endereço dos postos de atendimento da Autarquia e quais as clínicas credenciadas.

“O novo formato que vem sendo implantado  é fazer com que usuário tenha acesso aos diversos serviços sem sair de casa, agendar atendimento nas nossas unidade e com isso acabar com as filas o que irá diminuir o tempo de atendimento ao cidadão”, destacou Zélio Maia.

Ele afirmou que, mesmo usando apenas 50% de sua capacidade de atendimento, regra estabelecida pelo protocolo de segurança, por causa da pandemia do novo coronavírus, o Detran-DF vem vencendo uma demanda reprimida que colocava a autarquia como um dos piores órgãos por causa da má qualidade dos serviços prestados à população.

“ Gradualmente esse conceito está mudando. Ha três meses tínhamos apenas 9 serviços no portal. Hoje  já temos 18 e daqui a há 30 dias teremos 40 serviços que estarão na palma da mãos do cidadão levados por meio digital”

“Vir ao Detran não será mais uma exigência como antes. Estamos ajustando todo a nossa tecnologia para que o órgão caiba na palma da mão do usuário que é o nosso principal cliente. Quando acabar essas restrições, provocadas pela pandemia, nós teremos um atendimento certamente bem diferente daqueles que encontramos  há três meses, quando assumi”, pontuou Zélio Maia.

Fonte: Radardf.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here