Luzia de Paula defende a criação do Fundo Distrital de Defesa e Proteção dos Animais

Criado em 1931, o Dia Mundial dos Animais é celebrado junto a um de seus mais conhecidos protetores, São Francisco de Assis, que ficou mundialmente conhecido devido ao seu amor pela natureza e pelos animais.

No mesmo dia 4, o Brasil comemora o Dia Nacional da Adoção Animal, ainda pouco conhecido, com objetivo de conscientizar sobre o abandono de animais de estimação.

A data promove a adoção responsável, sem preconceito. No Brasil, 41% dos cães com lar fixo não têm raça definida. O número foi divulgado em agosto, em pesquisa do Instituto QualiBest, que ouviu 7.084 pessoas. Entre os entrevistados responsáveis por pets soma-se 65% e, desses, 79% têm cães, 39% gatos, 19% aves e 10% peixes.

Nesse dia, igrejas dedicadas a São Francisco de Assis recebem programação especial, com missas e bênçãos, e grupos costumam promover ações sobre bem-estar animal e adoção.

Preocupada com os animais, a deputada distrital Luzia de Paula (PSB) apresentou cinco projetos de lei na Câmara Legislativa do Distrito Federal. Um dos projetos virou Lei e estar em vigor.

A Lei nº 5.844/2017, proíbe o encaminhamento de animais capturados pelo Centro de Controle de Zoonoses do DF, canis públicos ou particulares para instituições de ensino e pesquisa.

O Projeto de Lei (PL) nº 375/2015, dispõe sobre a permanência de veterinário em local de exibição ou exposição de animais. O PL nº 117/2015, institui a Semana de Conscientização dos Direitos dos Animais no DF.

O PL nº 359/2015, dispõe sobre a obrigatoriedade da emissão de certificado de origem dos animais, no ato de sua venda, pelos estabelecimentos comerciais no DF.

Já o Projeto de Lei Complementar nº 3/2015, institui o Fundo Distrital de Defesa e Proteção dos Animais (FUNDEPA).

Fonte: Ascom Luzia de Paula

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!