Rollemberg anuncia contratação de 1.183 servidores concursados

Ana Viriato

Após quase três anos de proibição de novas nomeações, por conta da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), o Palácio do Buriti anunciou, nesta terça-feira (17/10), a contratação de 1.183 concursados nas Secretarias de Saúde (836) e Cultura (41), na Fundação Hemocentro (79), no Metrô (188) e no Instituto de Defesa do Consumidor – Procon (39). Aprovados em processos seletivos antigos, mas ainda em vigor, tomarão posse para suprir carências de mão de obra no Executivo.

O impacto das novas nomeações nos caixas do GDF, em 2017, é de R$ 23.148.823,69. No ano seguinte, a cifra sobe para R$ 144.034.612. As contratações da Saúde, Cultura, Procon e Hemocentro acontecerão até o fim do ano. No Metrô, as posses serão ramificadas em três etapas: um terço em outubro; outra parte em fevereiro de 2018 e a última, em maio.

Segundo o governador Rodrigo Rollemberg, as nomeações devem-se, em parte, à reforma da Previdência, que proporcionou maior folga nos caixas do Distrito Federal. “Gostaria de agradecer a todos que colocaram os interesses de Brasília, acima dos partidários. Com isso, ganhou toda a cidade. Além de garantir os pagamentos em dia de fornecedores, servidores e terceirizados, conseguimos gerar a melhoria dos serviços públicos fornecidos à população”, pontuou.

O Executivo local ainda autorizou que 561 servidores da saúde dupliquem a jornada de trabalho. Dessa forma, esses funcionários passarão a exercer a função por 40 horas, em vez de 20. “O impacto dessa autorização, somada às 915 novas contratações, é equivalente a posse de 1476 novas pessoas na saúde”. Além disso, o governo colocará mais seis ambulâncias avançadas nas ruas. Os veículos são usados na transferência de pacientes de uma unidade para outra e no atendimento de casos graves.

Participaram do evento, além do governador Rodrigo Rollemberg, o secretário de Saúde, Humberto Fonseca; o presidente do Metrô, Marcelo Dourado; a diretora-presidente da Fundação Hemocentro, Miriam Daisy; a diretora-geral do Procon, Ivone Oliveira; o secretário adjunto da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão, Marcelo Alves; e os distritais Agaciel Maia (PR), Luzia de Paula (PSB) e Israel Batista (PV).

Veja a lista de novas contratações na Saúde:

118 médicos da família

153 clínicos gerais

137 enfermeiros

10 médicos do trabalho

14 psicólogos

12 biomédicos

15 assistentes sociais

2 fisioterapeutas

6 terapeutas ocupacionais

39 técnicos em saúde bucal

39 dentistas

11 técnicos administrativos

3 médicos patologistas

8 técnicos em patologia clínica

269 técnicos em enfermagem

Fonte: CB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!