Ibaneis ordena desmonte de acampamento de apoiadores de Bolsonaro e fecha Esplanada

Por Toni Duate

O governador Ibaneis Rocha mandou desmontar acampamento de apoiadores do presidente Bolsonaro em uma  operação coordenada pela Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP) e o DF Legal, órgão de fiscalização do DF. Por decreto Ibaneis também determinou o fechamento da Esplanada dos Ministérios para veículos e pedestres neste domingo (14).

O DF Legal informou que, “os manifestantes ocupavam área pública, na Esplanada dos Ministérios, o que não é permitido”. De acordo com a pasta o grupo teria descumprido o decreto do governador Ibaneis que proíbe aglomerações com mais de 100 pessoas em eventos que demandem  autorização prévia do GDF, devido a pandemia de coronavírus.

O acampamento foi instalado a mais de um mês na capital, entre eles está o “300 com o Brasil” coordenado pela apoiadora de Bolsonaro, Sara Winter que usou seu twitter para comentar a ação realizada pela Polícia Militar do DF.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro  usou sua rede social para reclamar da ação do GDF. “Segunda estarei junto c/ Dep. Daniel Silveira @danielPMERJ (RJ) para protocolar ofício no gov. DF contendo reclamação sobre os fatos de hoje e manifesto por respeito à liberdade de expressão. Outras medidas podem ser tomadas”, escreveu ele no twitter.

Ação do governo do Distrito Federal

A Esplanada dos Ministérios ficará fechada para veículos e pedestres neste domingo (14). A medida foi publicada por meio do Decreto Nº 40.881/2020, publicado na noite deste sábado (13), em edição extra do Diário Oficial.

O governo também está atento às ameaças declaradas, por alguns manifestantes, aos Poderes constituídos. Desta forma, o trânsito de veículos e pedestres está proibido entre 00h e 23h59 deste domingo (14).

O acesso aos prédios públicos federais localizados na Esplanada somente será permitido a autoridades devidamente identificadas e servidores públicos federais devidamente identificados e que estejam em serviço.

Toda e qualquer manifestação no local poderá ser admitida, desde que comunicada com antecedência e autorizada pela Secretário de Segurança do DF. A fiscalização de tais atos será feita pelo Departamento de Trânsito (Detran/DF) e pelo Departamento de Estradas de Rodagem do DF (DER/DF).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here