O quanto Valparaíso perde ao ter uma prefeita de oposição ao governador

Por Rebeca Luisy

Como não é segredo de ninguém, a deputada estadual Leda Borges é oposição ferrenha ao governador Ronaldo Caiado, e é uma das últimas “marconista” ainda com mandato.

 O que devemos nos perguntar é se vale a pena para o município de Valparaíso ter como prefeita uma pessoa que não está alinhada aos projetos do governo do Estado.

Sabemos que politicamente poderia acabar com os sonhos dos moradores da cidade de ver Valparaíso desenvolvendo, pois tendo uma prefeita de oposição o encaminhamento de projetos, obras e até mesmo destinação de dinheiro iria se tornar mais difícil.

Nesse caso a então candidata se fosse eleita teria que mostrar todo seu gingado político para atrair investimentos para a cidade.

Desde que assumiu o mandato ela vem sempre batendo de frente com qualquer projeto enviado por Caiado, foi assim com o pacote de privatizações, fez acusações sobre programas sociais do governo entre tantos outros embates que não chegaram a lugar nenhum.

Do outro lado temos o candidato à reeleição prefeito Pábio Mossoró, que mesmo não sendo do mesmo partido do governador está alinhado com o mesmo, isso fez com que ele tenha conseguido tocar obras importantes para a cidade, mesmo no momento de pandemia.

O prefeito Pábio levou asfalto a bairros esquecidos nos governos anteriores, Setor de Chácaras Anhanguera, Jardim Oriente, Valparaizo II entre outros.

Levou atendimento de qualidade a toda rede de Saúde do município desde o começo do governo. Com de atendimento e serviços prestados com eficiência que até mesmo a candidata de oposição Leda Borges elogiou o Pábio Mossoró e seu trabalho à frente da saúde do município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here