O PTinder vem ai!

O anúncio feito pela advogada Maria Goretti Nagime e pela professora Elika Takimoto, do Cefet/RJ, de que, em breve, irá surgir uma aplicação voltada para pessoas de esquerda chamada PTinder, movimentou as redes sociais. Enquanto alguns comemoram, outros destacaram os riscos que o app pode trazer à segurança de usuários.

“Aqui não damos match e sim marx. Não procuramos pela metade da laranja porque isso é coisa do Queiroz. Aqui buscamos a metade da nossa estrela. Vamos promover encontros, festas e shows. Nos aguarde!”, comentou Takimoto em seu Twitter logo que cresceu a repercussão nos jornais.

O jornalista João Filho, do Jornalismo Wando e colunista do The Intercept Brasil, brincou com o nome do aplicativo. “Eu só entro no PTinder se Lula se cadastrar. Pode ser a grande chance da minha vida”, tuitou.

Já o jornalista Fagner Torres, do podcast Lado B do Rio, alertou para o perigo que esse app pode representar em termos de segurança de dados e também de infiltrados. “Vou me cadastrar num aplicativo e fornecer meus dados pessoais de mão beijada. De quebra, ainda viro alvo de fascista em quarto de motel. Pra isso servirá o PTinder, uma das maiores bizarrices da história da esquerda brasileira. E olha que a lista é imensa”, declarou.

Fonte: Revista Forum

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here